Revista Nova Imagem - Portal de Notícias

Nos acompanhe pelas redes sociais

A Igreja Seashore Chapel: Uma Joia Arquitetônica Escondida na China

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Elegante e refinada, a Igreja Aranya é a primeira capela costeira da China; descubra mais sobre esta impressionante obra

Localizada na cidade turística de Qinhuangdao, na província de Hebei, a Igreja Seashore Chapel, também conhecida como Igreja Aranya, é uma obra-prima da arquitetura moderna. Projetada em 2015 pelos renomados Vector Architects, esta igreja à beira-mar combina elegância e funcionalidade em um espaço destinado à meditação e espiritualidade.

A igreja, que se assemelha a um navio, destaca-se por suas linhas geométricas acentuadas e encostas íngremes, lembrando os monumentos do famoso arquiteto Aldo Rossi. Construída sobre palafitas, a estrutura de 270 m² é projetada para resistir à corrosão das ondas do mar, proporcionando uma vista deslumbrante do oceano através de uma grande janela.

Com paredes de concreto, estuque branco e ardósia laminada de bambu, a igreja oferece um espaço iluminado pela luz difusa que entra pelas aberturas limitadas. A cruz externa, iluminada, cria um efeito visual impactante, clareando a parede exterior e destacando a simplicidade e o refinamento do design.

Além de ser um local de culto, a Igreja Seashore Chapel serve como um refúgio atemporal, flutuando na paisagem costeira e oferecendo uma experiência de contemplação única. Esta joia arquitetônica é um destino imperdível para quem busca um local de paz e beleza à beira-mar.

Para mais informações sobre esta fascinante estrutura e outras maravilhas arquitetônicas, visite nosso site.


China tem igreja escondida à beira-mar que poucos conhecem, mas todos deveriam visitar

Elegante e refinada, a igreja Aranya é a primeira capela costeira da China; saiba mais sobre esta joia arquitetônica

Monumental tanto na volumetria quanto na rigidez arquitetônica, a igreja Seashore Chapel (também conhecida como igreja Aranya), com suas encostas íngremes e linhas acentuadas, assume o estilo dos monumentos geométricos de Aldo Rossi. Localizada na cidade turística de Qinhuangdao, um município costeiro na província chinesa de Hebei, a igreja em forma de navio foi projetada em 2015 para fiéis que buscam um lar espiritual.
Também chamada de Igreja da Costa ou Capela da Praia, a construção, que serve de abrigo na maré baixa, foi concebida como um espaço propício à meditação. Apesar das aberturas limitadas, o sol entra pela única grande janela e oferece uma vista privilegiada e vertiginosa da imensidão do oceano.
Suas escadarias de 30 metros de comprimento, seu telhado retangular e suas paredes em concreto, estuque branco e ardósia laminada de bambu foram projetados pelo escritório de arquitetura chinês Vector Architects que optou por um design refinado e orgânico. Entre luz difusa e suave, a cruz que fica no exterior do edifício gera um efeito de iluminação vívido ao clarear a parede exterior.
Apoiada em colunas de concreto, a igreja – que se estende por 270 m² – foi erguida sobre palafitas, para escapar das idas e vindas das ondas que poderiam corroer a estrutura do monumento.
“O oceano recuou com o tempo e deixou para trás uma estrutura vazia, que ainda repousa na praia”, descreve o escritório de arquitetura que projetou o local de culto como um barco à deriva. Suspenso num ambiente natural, o monumento religioso próximo do mar parece flutuar na paisagem e oferece um refúgio atemporal.

Foto da capa: Eric Yang/Getty Images

A igreja Seashore Chapel possui a forma de um navio e foi projetada em 2015 — Foto: kan wang/Getty Images

Aranya é a primeira igreja à beira-mar da China — Foto: kan wang/Getty Images

A igreja foi projetada pelo escritório chinês Vector Architects — Foto: kan wang/Getty Images

Com 270 m², a igreja foi erguida sobre palafitas — Foto: kan wang/Getty Images

Últimas Notícias
Últimas Notícias