Revista Nova Imagem - Portal de Notícias

Nos acompanhe pelas redes sociais

Boxe Brasileiro Faz História nos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023

Foto: Wander Roberto/ COB/ Direitos reservados
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Brasil conquista 12 medalhas, incluindo 4 ouros, em campanha épica no ringue.

O boxe brasileiro entrou para a história nos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023 para garantir um impressionante total de 12 medalhas, incluindo quatro medalhas de ouro, na competição realizada no Centro de Treinamento Olímpico. Esta edição do evento se destaca como o de maior sucesso para a equipe brasileira.

As mulheres brilharam intensamente nessa conquista, sendo responsáveis ​​por todos os quatro ouros da delegação brasileira. As campeãs incluem Carol “Naka” Almeida (categoria 50 kg), Jucielen Romeu (57 kg), Bia Ferreira (60 kg) e Bárbara Almeida (66 kg).

O treinador-chefe da equipe de boxe brasileira, Mateus Alves, expressou sua satisfação com o desempenho fenomenal da equipe feminina: “O Brasil evoluiu muito com investimento em treinamento, participação em competições fora do Brasil, salário em dia. Hoje, Brasil e Colômbia são as potências do boxe feminino do continente.”

Além dos ouros, o Brasil também garantiu medalhas de prata em diversas categorias: Tatiana Chagas (54kg), Michael Douglas Trindade (51kg), Wanderley Pereira (80kg), Keno Marley Machado (92kg) e Abner Teixeira (+92kg). Na última quinta-feira (26), Viviane Pereira (75kg), Luiz Oliveira “Bolinha” (57kg) e Yuri Falcão (63,5kg) conquistaram o bronze.

Conquistas no Surfe

Nas águas de Punta de Lobos, em Pichilemu, o Brasil também brilhou. Duas surfistas brasileiras, Tatiana Weston-Webb (sem shortboard) e Aline Adisaka (sem SUP – stand up paddle), venceram seus confrontos e avançaram para a final de suas categorias, garantindo ao Brasil a chance de disputar mais dois ouros. Além disso, a delegação brasileira já garantiu três medalhas na modalidade, com Carlos Bahia e Chloé Calmon no longboard, e Luiz Diniz no SUP. As finais estão programadas para a próxima segunda-feira (30), após uma pausa nas competições devido às condições climáticas adversárias.

Foto: Reprodução internet

Últimas Notícias
Últimas Notícias