Revista Nova Imagem - Portal de Notícias

Nos acompanhe pelas redes sociais

Brasil Alcança Conquista Histórica com Medalha de Prata no Mundial de Ginástica

Foto: Ricardo Bufolin/CBG
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

A ginástica artística brasileira aconteceu um feito sem precedentes no Mundial sedado na Bélgica. A medalha de prata consagra o Brasil como uma potência no cenário mundial, resultado do esforço coletivo e dedicação exemplar das atletas. Os quatro jovens desenvolveram um desempenho excepcional!

Esse resultado marca o ápice na trajetória brasileira neste campeonato, superando a quarta posição conquistada em 2022, em Liverpool, no Reino Unido.

A medalha de prata foi obtida na competição por equipes. Rebeca Andrade, Flávia Saraiva, Jade Barbosa, Lorrane Oliveira e Júlia Soares acumularam 165.530 pontos, ficando atrás apenas dos Estados Unidos (167.729), enquanto a França levou o bronze (164.064).

Próxima Etapa: Disputa Individual Geral

Na sexta-feira (6), a atenção se volta para a disputa individual geral. Pela primeira vez na história, o Brasil classificou duas atletas no primeiro grupo: Rebeca Andrade (4ª) e Flávia Saraiva (6ª). A expectativa é alta para mais uma atuação estratégica!

Celebrações nas Redes Sociais

Nas redes sociais, atletas e fãs do esporte enalteceram uma conquista histórica. A atleta Daniele Hypolyto expressou sua admiração pela equipe, afirmando: “Parabéns, orgulho, orgulho, orgulho”.

Uma seguidara que acompanha a ginástica demonstrada seu orgulho pela conquista e enalteceu o trabalho realizado com as ginastas ao longo do tempo: “Parabéns pelo trabalho que fez com essas ginastas. Há tempos não via uma seleção tão forte, integrada, comprometida, quente, saudável física e mentalmente”.

Outro internauta brincou que a medalha de prata quase o levou a um infarto, mas celebrou o fato de ter sobrevivido para testemunhar esse momento incrível.

Trabalho Duro, Dedicação e Esforço Coletivo

O coordenador de Ginástica Artística Feminina da Confederação Brasileira de Ginástica (CBG), Francisco Porath Neto, destacou que o resultado na Bélgica é fruto de anos de dedicação.

“Há muitos anos a Ginástica Brasileira trabalha por um resultado como este”, afirmou. “É consequência da colaboração e da dedicação de muita gente. Só tenho que agradecer essas atletas por todo o trabalho duro.”

A presidente da CBG, Maria Luciene Resende, ressaltou o envolvimento dos atletas e da equipe técnica que atua em conjunto.

“O Brasil hoje tem uma escola consolidada na Ginástica Artística, embora contemos com talentos individuais especiais, esse resultado é produto de um movimento muito mais amplo, de um país que abraçou a modalidade, e que definitivamente sabe ‘fazer’ ginástica.”

Maria Luciene ainda destacou o papel fundamental de administradores, treinadores, fisioterapeutas, massoterapeutas e médicos, além das jovens talentos espalhadas pelo país.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Últimas Notícias
Últimas Notícias