Revista Nova Imagem - Portal de Notícias

Nos acompanhe pelas redes sociais

Dobram as adoções de crianças por casais homoafetivos no Brasil

Foto: AdobeStock.
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Novas Famílias, Novos Amores

O Brasil celebra um recorde em adoções por casais homoafetivos nos últimos anos, conforme dados da Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-BR). Entre 2021 e 2023, cerca de 50.838 crianças ganharam novos lares, marcando um aumento de 113% desde 2015.

Mudança de Paradigma

Após a autorização do STF em 2015 para habilitação de casais homoafetivos à adoção, o país testemunhou uma mudança significativa. A maior aceitação da diversidade, aliada ao reconhecimento legal dos direitos desses casais, contribuiu para esse avanço.

Inclusão e Diversidade

Com a diminuição das barreiras legais e uma série de campanhas de conscientização, ONGs e grupos minoritários, o Brasil se tornou mais inclusivo. Decisões judiciais e legislações mais abrangentes também desempenharam um papel crucial nesse progresso.

Crescimento dos Casamentos

O aumento das adoções acompanhou o crescimento dos casamentos entre casais do mesmo sexo. Órgãos públicos realizam mutirões para formalizar uniões estáveis e casamentos civis, facilitando o processo para esses casais.

Desafios Persistentes

Apesar dos avanços, desafios persistem. O aumento do conservadorismo na sociedade, identificado em uma pesquisa do Ibope em 2016, destaca a importância contínua da luta contra o preconceito e pela garantia dos direitos da comunidade LGBTQIA+.

O progresso é evidente, mas a conscientização e o engajamento contínuos são essenciais para construir uma sociedade mais inclusiva e justa para todos. A luta pela igualdade continua.

Últimas Notícias
Últimas Notícias