Revista Nova Imagem - Portal de Notícias

Nos acompanhe pelas redes sociais

Elon Musk ataca anunciantes e anuncia sobre o futuro do X

Imagem: Duncan Hull/Wikimedia Commons
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Durante um evento em Nova York nesta quarta-feira (30/11), Elon Musk fez declarações explosivas criticando os anunciantes que retiraram seus anúncios do X (antigo Twitter), alertando que essa ação poderia levar à ruína da plataforma de rede social.

O bilionário acusou empresas que aderiram a um boicote publicitário de tentar chantageá-lo, em meio à polêmica sobre acusações de antissemitismo feitas contra ele em um tweet. Musk expressou sua frustração durante um evento promovido pelo jornal The New York Times, dizendo: “Vão se *****”.

Empresas como Disney, Apple e Comcast interromperam a veiculação de anúncios no X após a polêmica envolvendo Musk e suas postagens. Embora o empresário tenha se desculpado pela publicação controversa, sua resposta ao boicote foi incisiva: “Se alguém vai me cantar com publicidade ou dinheiro, vai se *****!”.

Em suas declarações, Musk afirmou: “O que este boicote publicitário vai fazer é matar a empresa”. Ele ainda informou que isso seria documentado para que todos soubessem que esses anunciantes desenvolveram para o fim da plataforma.

A presidente-executiva do X, Linda Yaccarino, presente no evento, foi acusada de tentar persuadir os anunciantes a retornarem à plataforma, o que foi negado por Musk. Em resposta às críticas, Yaccarino esperou a fala de Musk no X, considerando a entrevista uma “conversa sincera” e reiterou a posição da plataforma em permitir a liberdade de informação.

O episódio atual surge após uma série de eventos controversos envolvendo Musk e suas postagens polêmicas na plataforma. Ainda não está claro como a controvérsia afetará a receita do X, mas anteriormente Musk registrou uma queda de 50% na receita publicitária.

O histórico recente da empresa indica aumentos crescentes entre a plataforma, os anunciantes e as ações de Musk, destacando os desafios que a plataforma enfrenta em manter sua base de anunciantes e garantir a continuidade de suas operações.

Foto: Reprodução Internet

Últimas Notícias
Últimas Notícias