Revista Nova Imagem - Portal de Notícias

Nos acompanhe pelas redes sociais

Farmácias agora podem fazer exame de análise clínica como HIV e Beta-hCG

Imagem: Tatyana Blinova/Shutterstock
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, na quarta-feira (3), a atualização de uma norma que permite agora que as farmácias realizem exames de análises clínicas (EAC). Segundo entidades do setor farmacêutico, esses estabelecimentos poderão oferecer pelo menos 47 tipos de testes.

Os exames de análises clínicas (EAC) abrangem uma variedade de testes que utilizam fluidos corporais, como sangue, urina, fezes e secreções. Até então, a Anvisa permitia apenas a realização de testes de Covid-19 e glicemia. A nova regra entrará em vigor em 1º de agosto, e os laboratórios terão um prazo de 180 dias para se adequarem.

Essa atualização da norma leva em consideração a evolução do setor de diagnósticos, reconhecendo que a norma anterior estava defasada diante das novas tecnologias. A Anvisa realizou audiências e consultas públicas desde 2019 para rever a decisão tomada em 2005.

Segundo a Anvisa, ainda não há uma lista pré-definida de quais exames serão oferecidos. Os testes deverão atender aos critérios da norma para serem realizados nas farmácias.

Antes dessa decisão da Anvisa, algumas farmácias, especialmente as grandes redes, já realizavam parte desses exames por meio de decisões judiciais e amparadas pela Lei 13.021/2014, que definiu as farmácias como estabelecimentos de saúde. Essa atualização da norma promove segurança jurídica para a ampliação desses serviços, de acordo com a Associação Brasileira das Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma).

As novas exigências incluem a necessidade de profissionais treinados para realizar esses exames, o uso de ferramentas de controle de qualidade para verificar o bom funcionamento dos kits e a realização apenas de testes de triagem, que coletam sangue da ponta do dedo e apresentam resultados em um pequeno visor, não sendo testes de confirmação diagnóstica de doenças.

Essa atualização representa uma ampliação do acesso aos serviços de análises clínicas e pode facilitar o diagnóstico precoce de diversas condições, trazendo mais conveniência e agilidade para os pacientes.

Foto: Keiny Andrade/ Folhapress

Os serviços que podem ser executados segundo a Abrafarma são:

  1. Beta-hCG
  2. Dengue Antígeno NS1
  3. Hemoglobina Glicada A1c
  4. Check-up Pós-Covid Anticorpos Anti-Spike
  5. Colesterol Total
  6. Avaliação de Controle de Asma
  7. Dengue Anticorpos IgG IgM
  8. Glicemia
  9. Glicemia e Pressão Arterial
  10. Glicemia e Perfil Lipídico
  11. Hormônio Luteinizante (LH)
  12. Toxoplasmose
  13. Teste de Intolerância Alimentar
  14. Exames do coração check-up completo
  15. VSR – Vírus Sincicial Respiratório
  16. VSR Molecular – Vírus Sincicial Respiratório
  17. Zika Vírus Anticorpos
  18. Teste Rápido PSA
  19. Teste Rápido Adenovírus
  20. Teste Rápido HIV
  21. Teste Rápido Covid-19 Anticorpos
  22. Teste Rápido Covid-19 Antígeno
  23. Teste Rápido Covid-19 Antígeno + Anticorpos
  24. Teste Rápido Covid-19 Molecular
  25. Teste Rápido Ácido Úrico
  26. Teste Rápido Chikungunya
  27. Teste Rápido Lactato
  28. Teste Rápido Malária
  29. Teste Rápido Sífilis
  30. Teste Rápido Troponina Cardíaca
  31. Teste Rápido Ferritina
  32. Teste Rápido Mioglobina
  33. Teste Rápido Streptococcus Grupo A Molecular
  34. Teste Rápido Streptococcus Grupo A
  35. Teste Rápido Hepatite C
  36. Teste Rápido Vitamina D
  37. Avaliação de Controle da Asma
  38. Teste Rápido Proteína C Reativa
  39. Teste Rápido Rubéola
  40. Teste Rápido Dímero-D
  41. Teste Rápido Dengue Antígeno e Anticorpos
  42. Teste Rápido Febre Amarela
  43. Teste Rápido Helicobacter Pylori
  44. Teste Rápido Influenza Molecular
  45. Teste Rápido de Alergia Alimentar
  46. Teste Rápido Tipo Sanguíneo
  47. Medição de Pressão arterial
Últimas Notícias
Últimas Notícias