Revista Nova Imagem - Portal de Notícias

Nos acompanhe pelas redes sociais

Herança de Gal Costa se torna disputa entre filho e suposta viúva: os detalhes da batalha judicial

Foto: AGNews
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

O embate pela herança milionária da renomada cantora Gal Costa está longe de terminar. Seu filho único, Gabriel Costa, de 18 anos, decidiu tomar medidas legais para garantir que a fortuna deixada pela mãe não seja compartilhada com Wilma Petrillo, empresária de Gal e suposta viúva da artista.

Segundo Gabriel, Wilma, apesar de ter assumido a gestão dos bens de Gal após sua morte, não passava de uma empresária da cantora e sua madrinha. Portanto, ele argumenta que não tem direito à herança. Vale ressaltar que a guarda de Gabriel ficou sob responsabilidade de Wilma desde o falecimento de Gal, conforme reportado pelo “Notícias da TV”.

Essa disputa pelo patrimônio de celebridades após suas mortes tem se tornado comum no cenário artístico, e o caso de Gal Costa não é exceção. Assim como os espólios de outras personalidades como Gugu Liberato e Angela Maria, as brigas judiciais pelos bens de Gal refletem tensões e desentendimentos entre os herdeiros e outras partes envolvidas.

No processo em questão, Wilma argumenta ter mantido uma relação de quase 25 anos com Gal Costa, inclusive como sua companheira. No entanto, Gabriel negou a existência de um vínculo mais íntimo entre sua mãe e Wilma, conforme declarado em uma notificação judicial recebida em julho de 2023.

Os advogados de Wilma alegaram que os três, incluindo Gabriel, conviveram em harmonia durante anos, mas não apresentaram provas substanciais dessa suposta união estável entre Gal e Wilma.

A Justiça, então, solicitou que Gabriel, ao completar 18 anos, fizesse uma nova declaração por escrito sobre a relação de sua mãe com Wilma, com firma reconhecida em cartório. Este é mais um capítulo de uma disputa complexa e sensível que envolve não apenas questões patrimoniais, mas também emocionais e familiares.

Foto: Reprodução

Últimas Notícias
Últimas Notícias