Revista Nova Imagem - Portal de Notícias

Nos acompanhe pelas redes sociais

Papa Francisco pede desculpas após suposto comentário homofóbico, diz Vaticano

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Pronunciamento busca esclarecer polêmica gerada por declarações durante reunião com bispos italianos

O Vaticano emitiu um comunicado nesta terça-feira (28) para esclarecer a controvérsia em torno de supostos comentários homofóbicos atribuídos ao Papa Francisco durante uma reunião a portas fechadas na semana passada, onde ele teria utilizado uma expressão ofensiva.

De acordo com relatos de fontes internas à reunião, veiculados pelos jornais italianos Corriere della Sera e La Repubblica na segunda-feira (27), o pontífice, de 87 anos, teria aconselhado os bispos italianos a não permitirem a formação de homens gays para o sacerdócio, utilizando a palavra “frociaggine”, termo pejorativo equivalente a “viadagem” em português.

Em resposta às alegações, o Vaticano declarou que o Papa Francisco não teve a intenção de usar uma linguagem homofóbica e expressou desculpas àqueles que se sentiram ofendidos pelos supostos comentários. O comunicado busca esclarecer a posição da Santa Sé e dissipar possíveis interpretações equivocadas sobre as declarações do pontífice.

Foto: REUTERS/Guglielmo Mangiapane

Últimas Notícias
Últimas Notícias