Revista Nova Imagem - Portal de Notícias

Nos acompanhe pelas redes sociais

Salvador recebe projeto itinerante que leva o fundo do mar aos cinemas

Foto: Projeto Mantas do Brasil
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Nesta semana dedicada ao Dia Mundial do Oceano, Salvador se torna palco de uma iniciativa inovadora: o projeto “Oceano Diverteatro e Cine Viajante”. Em parceria com a Baía de Todos-os-Santos, conhecida como a capital da Amazônia Azul, a cidade receberá um cinema itinerante que simula o fundo do mar, com o objetivo de educar crianças sobre a importância da conservação marinha.

O projeto, que teve início nesta terça-feira, 4, e se estenderá até sábado, 8, na Bahia Marina, oferece uma experiência única para mil crianças. Além da exibição de um filme imersivo de 13 minutos, intitulado “Mergulhando no Desconhecido”, o evento conta com uma exposição de fotos das baleias soteropolitanas, realizada pelo instituto RedeMar.

Desenvolvido pelo projeto Mantas do Brasil, o Cine Viajante proporciona uma viagem pelo universo marinho, destacando a importância do oceano desde os primórdios da Terra. A estrutura do cinema, com sua tela de 360º na horizontal e 180º na vertical, transporta os espectadores para um ambiente subaquático, mostrando a diversidade da vida marinha.

Além das projeções, o evento conta com a peça teatral “Em Busca da Gotinha Preciosa”, realizada pelo Ciência Divertida. Através de 10 sessões, os espectadores são convidados a acompanhar as aventuras de dois cientistas pelo mundo, aprendendo sobre a importância da água e como cuidar desse recurso vital em casa e na comunidade.

Com o intuito de sensibilizar o público para a preservação marinha, o projeto visa alcançar mais de 24 mil crianças em 16 cidades de seis estados brasileiros ao longo deste ano. A coordenadora de educação ambiental do Projeto Mantas do Brasil, Ana Carolina Fornicola, destaca a importância de proporcionar essa experiência educativa, ressaltando que conhecer e preservar o meio ambiente, seja terrestre ou marinho, é fundamental para o futuro do planeta.

Crédito: Divulgação

Últimas Notícias
Últimas Notícias